sexta-feira, 31 de maio de 2013

Full Dance-Off With the Star Wars Stars 2013 during Hyperspace Hoopla at Walt Disney

Passatempo La casa de Kenobi

Continuando a celebração do 30º anivº de Star Wars:ROTJ lançamos outro passatempo desta vez patrocinado pelos nossos amigos espanhóis da LA CASA DE KENOBI em que o vencedor receberá um deck de cromos exclusivos Star Wars Figure Archives,um desconto de 10 Euros e outro desconto de 5 Euros nas compras online desta loja.Este passatempo está aberto a todos os fãs de Star Wars,mesmo até aos que ainda não se filiaram no nosso clube.Para tal,terão de responder acertadamente às seguintes questões: 1) Quem realizou o VI episódio de Star Wars(ROTJ)?
2) Que título para este filme estava inicialmente previsto,mas que foi mudado  pouco tempo antes da estreia?
As respostas têm de ser enviadas para o nosso e-mail até ao dia 2 de Julho.Será escolhido aleatóriamente um vencedor que será informado via e-mail.

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Nova série animada de Star Wars

Já começou a ser produzida pela Disney uma nova série de animação dedicada a Star Wars,intitulada `Star Wars Rebels´ que deverá ser emitida nos finais de 2014 nos canais Disney XD em todo o mundo.O produtor/argumentista Simon Kinberg será o produtor executivo desta série e escreverá também o argumento do primeiro episódio.Fazem ainda parte da direção,Dave Filoni e Greg Weisman.Esta série retratará a época entre os eventos passados no episódio III e o IV que nunca foi explorada em filmes ou séries.Resumindo,será a continuação do período das Guerras Clónicas,onde o Império se consolidou e continuou a perseguir os Jedi que sobreviveram à Ordem 66,enquanto que uma aliança rebelde começa a ser organizada.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

Entrevistas SWCP: Bridgett Riley

Bridgett Riley é uma atriz/dupla e campeã mundial de Kickboxing que tem participado em diversos filmes, séries e comerciais como: A Ressaca,Invasão,Transformers,Rei Escorpião,Heroes e Power Rangers.


SWCP: Foi a dupla da Malin Akerman em `Watchmen´.Pode falar-nos um pouco acerca desse papel?

B.R: Rodámos este filme na bela cidade de Vancouver. Estive lá seis meses. Ele é realmente uma cidade assombrosa. Eu saía do meu apartamento, e observava as paisagens da cidade e pensava “ISTO É VERDADEIRO"? De fato foi magnífico. Fiz parte de uma equipa de atores/duplos inacreditavelmente talentosa dos Estados Unidos e trabalhei também ao lado de vários duplos do Canadá. Eles foram maravilhosos. Ajudei a treinar atores e a prepará-los tal como nas múltiplas lutas e cenas de duplos do filme. Fui a dupla da Malin Akerman. Executei o trabalho de arame, cenas de luta contra múltiplos oponentes, puxões de mãos, e truques em todas as partes da novela gráfica transformada em realidade pela visão única do Zack Snyder. Ele é um dos mais dinâmicos realizadores para quem tive o prazer de trabalhar. A Malin era extremamente ágil, atlética, e ansiosa para aprender. Foi um prazer estar com ela. Não é de admirar ela obter o êxito que tem com uma ética de trabalho como a dela.

SWCP: Foi campeã mundial de Kickboxing por cinco vezes. Como foi essa experiência?

B.R: Adorei cada minuto da minha longa carreira. Tive o privilégio de treinar e de ser treinada com alguns dos melhores no ramo. Você aprende como superar obstáculos e a pensar rapidamente com os seus pés em momentos muito quentes. Foi uma parte do meu arsenal de instrumentos de trabalho como dupla. Estou muito grata pelos fracassos que tive pois fizeram as vitórias parecerem muito mais doces!

SWCP: Como surgiu a alcunha “Baby Doll”?

B.R: Fui uma ginasta de competição quando era criança. E segui as pisadas do meu irmão no Karaté. Prosseguimos no karatê mas não conseguimos o suficiente para estarmos no circuito de torneios. O meu instrutor de artes marciais de então, deu-me a alcunha de 'babydoll'. Tinha 15 anos nessa altura. E essa alcunha permaneceu durante toda a minha carreira de luta profissional em ambas as categorias: Kickboxing e Boxe. Venci o título mundial de Boxe IFBA na categoria de pesos leves. Tinha gravado nas costas do meu robe 'Babydoll' .

SWCP: Fale-nos do projeto `Child Save´.

B.R: Quando fui convidada para me juntar à associação de mulheres-duplas profissionais V10, aprendi sobre o projeto `Salvem as Crianças´com a mulher que inicialmente me guiou neste grupo. Esta organização é legal. Eles encontram crianças raptadas que foram vendidas para escravidão em países estrangeiros. ASSOMBROSO! Senti-me muito emocionada pelo que essas pessoas fazem.

SWCP: Qual foi o papel que gostou mais de fazer como dupla?

B.R: Fiz uma cena de luta num filme chamado 'Serenity''. Fui a dupla da Summer Glau. A equipa de duplos com quem trabalhei era da pesada! O coordenador filmou a previ da luta e editou-a. Está nas demos do meu website. É a minha cena favorita.

SWCP: Gostaria de enviar alguma mensagem aos seus fãs?

B.R: Sim por favor.

Aprecio imenso todo o vosso apoio. Sinto-me grata pelo vosso respeito. Sinto-me honrada por estar numa posição que motiva e inspira pessoas de todos os lados da vida. Esforço-me por ser excelente e quero encorajar-vos a seguirem em frente nesta longa estrada. Os atalhos podem levar a resultados curtos. O fracasso pode motivar-vos à futura vitória quando colocado numa perspetiva positiva. Portanto não o receiem. E se vocês têm receio de vez em quando está tudo bem -desde que isso não vos deixe paralisados. Passem por cima disso. Isso é a VITÓRIA. Que Deus vos abençoe e vos proteja. É fixe ajudarmo-nos uns aos outros. Há bastante espaço para todos nós termos sucesso. Obrigado pela vossa escuta (ou leitura).

-Babydoll



English Version:

Bridgett Riley is a stunt double, actress and a Kickboxing world champion, who participated in several films, series and commercials such as: The Hangover, The Invasion, Transformers, Scorpion King, Heroes and Power Rangers.

SWCP: You were the Mali Akerman´s double in `Watchmen’. Could you tell us a bit more about your role in this movie?

B.R: We shot this feature in beautiful Vancouver. I was there six months. It is truly an amazing city. I seriously would walk out of my apartment; look out at the scenic city tapestry in awe and think, IS THIS REAL? Indeed it was gorgeous. I was on a team of incredibly talented stunt people/doubles from the United States and worked along side several native stunt people from Canada. They were wonderful. I helped train actors and rehearse them as well as myself for the multiple fight and stunt scenes for the movie. I was Miss Malin Akerman's stunt double specifically. I performed wire work, fight scenes against multiple opponents, ratchets, hand pulls, and stunts throughout the graphic novel come to life under the unique vision of Mr. Zack Snyder. He is one of the most dynamic directors I've had the pleasure of working for. Malin was extremely agile, athletic, and eager to learn. She was a delight to be around. It is no wonder she has obtained the success she has with a work ethic as the one she owns.

SWCP: You were a world champion kickboxing for five times. How it was this experience?

B.R: Kick boxing is a LOT of work, yet rewarding in numerous ways. I loved every minute of my extensive career. I had the privilege of training under and with some of the best in the business. You learn how to overcome obstacles and think quickly on your feet in very heated moments. Kick boxing's apart of the package of my arsenal of tools for the work of stunt performing. I am grateful for the failures I've endured which made the victories all that much sweeter!

SWCP: How the nickname "Baby Doll “appeared?

B.R: I was a competitive gymnast as a child. I segwayed into karate following in my brother's footsteps. We dove into sport karate and couldn't get enough of the tournament circuit. My martial arts instructor at that time nick named me "baby doll." I was 15. It has stuck with me throughout my entire professional fight career in both the sports of Kick Boxing and Boxing. I went on from Kick Boxing to win the IFBA Bantam weight BOXING world title. "Baby doll" was on the back of my robe.

SWCP: Tell us about the `Child Save´ project.

B.R: When I was invited to join V10 Women's Stunt Professionals, I learned about PROJECT CHILD SAVE from the woman who initially motioned me into the select group. This organization is legit. They find abducted children sold to slavery in foreign countries. AMAZING!!! I personally have been touched by what these people do.

SWCP: What was the role that you liked playing more as a stuntwoman?

B.R: I did a fight scene in a movie called "Serenity." I was Miss Summer Glau's stunt double. The stunt team I worked with ROCK!!! The coordinator shot the pre-vis of the fight and edited it and it's on my demo reel. It's my favorite.

SWCP: Would you like to leave a message for your fans?

B.R: Yes please. I appreciate all of your support so much. I am grateful for your respect. I feel honored to be in a position to motivate and inspire folks from all walks of life. I strive to be excellent and I want to encourage you to go ahead and take the long route. Short cuts can lead to short results. Failure can motivate you to future victory when placed in a positive perspective. So don't be afraid of it. And if you are afraid from time to time, that's ok to - as long as you don't let it paralyze you. Move THROUGH it. That's VICTORY. May God bless you and keep you. It's cool to help each other. There's enough room for ALL of us to succeed. Thank you for a listening ear (or a reading eye).

Baby-doll



terça-feira, 28 de maio de 2013

Passatempo 30º Aniversário de Star Wars:ROTJ

Celebrando o 30º aniversário do VI Episódio de Star Wars(ROTJ) o SWCP com o patrocínio da loja alemã Toy Palace vai lançar a partir de agora um passatempo em que o vencedor ganhará um magnífico sabre de luz do Anakin Skywalker(episódio III) com lâmina removível fabricado pela Hasbro no valor de 149,00 Euros.Mas atenção que este passatempo só está disponível para os sócios do SWCP que aderiram ao pagamento da jóia de inscrição no clube.
Para tal,terão de responder acertadamente às seguintes questões:
1) Que conhecida construção de Star Wars foi adotada no logo da Toy Palace?
2) Em que ano se estreou o VI Episódio de Star Wars(ROTJ)?
3) De que cor era a lâmina do sabre de luz do Luke Skywalker quando lutou com o Darth Vader no final desse episódio?
Os participantes terão de enviar as suas respostas para o nosso e-mail com o nome completo,morada e número de sócio do SWCP.Será escolhido ao acaso um vencedor entre os que responderam corretamente a estas três questões.O prazo limite para o envio das vossas respostas termina no dia 27 de Junho de 2013.
Damos preferência à entrega em mão do prémio ao vencedor,mas há a possibilidade de se enviar por correio caso o nosso patrocinador o queira fazer ou que o vencedor pague os portes de envio.
Boa sorte!!
English Version:

Celebrating the 30 th anniversary of VI Episode of Star Wars(ROTJ) the SWCP-Star Wars Clube Portugal with the sponsorship of Toy Palace will organize from today,a contest where the winner will receive a spectacular Anakin´s lightsaber(episode III) worth 149,00 Euros.This time,this contest is only open for those SWCP´s members who have paid their registration in the club.To win this award,must have to correctly answers the following questions:
1) What kind of well know construction has been adopted into the Toy Palace logo?
2) In which year episode VI of Star Wars(ROTJ) has been released?
3) What colour was the Luke Skywalker´s lightsaber blaze on the final duel with Darth Vader in this episode?
All participants must send us an e-mail with the answers and also their full name,address and SWCP´s number card member.It will be selected randomly a winner among those who answered correctly to this questions.The deadline for this contest ends at 27,June,2013.The respective winner will be notified by e-mail.Good luck!!

Conde Dooku metaleiro?

Sir Christopher Lee(o Conde Dooku em Star Wars) comemorou duplamente ontem o seu 91º aniversário e o lançamento do seu mais recente álbum intitulado `Charles Magne:The omens of Death´.Depois de já ter lançado os álbuns Charles Magne: By the sword e The Cross,este é sem dúvida o seu trabalho mais" metálico"que contou com a participação do guitarrista da banda Judas Priest,Richie Faulkner.

Naves da Star Wars-Clone Walker Battle Pack

http://www.youtube.com/watch?v=kRUzZSZjFME

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Mais duas presenças confirmadas para Star Wars VII

John Williams voltará a compor as obras musicais de Star Wars.Também está confirmada a participação de Michael Kaplan como responsável pelo guarda-roupa de todos os personagens.Kaplan é um antigo colaborador de J.J Abrams,tendo trabalhado com este em Star Trek e Missão Impossível.

domingo, 26 de maio de 2013

Entrevistas SWCP: David Collins



David Collins trabalhou como diretor de som e designer na Lucas Arts até 2011 e na Skywalker Sound (2000).

SWCP: Foi o responsável pelo departamento de som/design e diretor de voz na divisão de videojogos na Lucas Arts. Pode falar-nos um pouco acerca dessas funções que desempenhou?

D.C: Olá, e obrigado pela entrevista! Sim, estive na LucasArts durante mais de uma década, trabalhando (literalmente) em dúzias de jogos de Star Wars. Eu diria que os principais foram definitivamente Star Wars Republic Commando, Star Wars The Force Unleashed, Star Wars Battlefront II, e os jogos da Lego Star Wars.

O meu trabalho era maravilhosamente criativo, e tive o prazer de trabalhar com os sons que o Ben Burt e o Matthew Wood tinham feito para os filmes de Star Wars. Aprendi tanto numa idade ainda tão jovem … tinha apenas 24 anos de idade quando comecei a trabalhar na LucasArts (e só tinha sido 23 quando comecei a minha primeira etapa nesta área na Skywalker Sound em 1999). Fui muito afortunado por ter tido estas oportunidades, e ter trabalhado com a marca Star Wars é uma das satisfatórias experiências da minha carreira.

O design de som era como inicialmente comecei. Com o passar dos anos progrediu, e a minha experiência começou a desenvolver-se, tendo passado a ser diretor de voz. Adorei trabalhar com outros atores. Até ao fim, eu fazia essas funções quase em tempo integral, embora também projetasse e misturasse muitos trailers (The Old Republic, Force Unleashed, etc.).

SWCP: Foi também a voz do Droid Proxy no videojogo Star Wars: The Force Unleashed. Como acabou por fazer esse tipo de trabalho?

 

D.C: Boa pergunta! O que é interessante é que comecei a fazer antes, Voz Off na LucasArts em 2000.Tudo começou com o que é chamado de vozes "improvisadas”, que são registros usados para testar a escrita antes dos atores e do elenco começarem a gravar. A gente fez caso das minhas realizações vocais. As pessoas começaram a falar das minhas atuações vocais. Também comecei a fazer muitas vozes de criaturas e de alienígenas. Mas a minha pausa nesse campo começou quando iniciei o meu trabalho no jogo` KOTOR´ … o diretor de voz (que consequentemente ficou o meu chefe, Darragh O’Farrell) ouviu-me a fazer a voz do Trandoshan,e achou que era tão única que me incluiu no elenco de atores. Por volta da mesma altura, um produtor ouviu o meu trabalho e mencionou que a sua esposa era um agente de talentos. Dentro de um ano, tive um agente e passei a trabalhar em alguns projetos da LucasArts.A partir daí, interpretei os Trandoshans em Kotor e em Republic Commando, oficiais e pilotos em Battlefront e Empire at War, fiz registros de linguagem inarticulada nos jogos Lego, e até interpretei o Nute Gunray no videojogo do Episódio III.

O Proxy foi tipo o passo seguinte na evolução da minha carreira de ator vocal, mas foi a primeira vez que interpretei um personagem principal de algo significante da LucasArts. Não o fiz acontecer imediatamente, penso que começou por compreender o personagem e criar uma atuação durante os ensaios para que a produção e o elenco gostassem. O meu papel no projeto até certa altura, foi o de ler todos os personagens que ainda não tinham sido vocalizados (inclusive Vader, Bail Organa … até li sobre a Juno a certa altura através do Sam Witwer na sua audição). Um dos personagens que li bastante (até depois das rodagens terem começado) foi o Proxy. O elenco e a produção realmente corresponderam à minha leitura.

O Sam e eu já eramos amigos há muitos, muitos anos (muito antes de ele ter sido lançado como Starkiller em TFU), e ele juntamente com a Nathalie Cox e a Adrienne Wilkinson,foram os grandes obreiros para que eu tivesse esse papel, que riram e reagiram à minha atuação durante a nossa primeira leitura.

Tenho de dar o crédito ao Jason Osipa também, que imediatamente começou a insistir comigo para desempenhar esse papel. Os produtores procuraram e múltiplos círculos de audições foram mantidos, mas ninguém parecia interpretá-lo do modo que foi escrito: O Proxy é perigoso, mas inocente. Eu sempre senti que ele é um personagem único e maravilhoso nesse sentido. No fim, eles sentiram que eu fui o melhor para o papel, e portanto fizeram alguns testes de gravação e enfim, usaram a minha atuação.

 

SWCP: Foi um dos anfitriões de três edições da Star Wars Celebration,incluindo a última até agora. Terá as mesmas funções na SWC Europe II?

D.C: Certamente espero assim! Nenhuma conversação oficial se realizou porque é demasiado prematuro nas etapas de planeamento, mas a Lucasfilm sabe que estou interessado. Fui convidado para ir à primeira Celebração na Europa em Londres em 2007, mas a minha agenda de produção no jogo TFU estava muito preenchida no momento. Fiquei triste por ter faltado! Espero ir a esta, assim como de encontrar mais fãs europeus de Star Wars. Tenho ido à Alemanha várias vezes em trabalho, e acho que é um belo país.

SWCP: Tem algum personagem favorito de Star Wars?

D.C: Tradicionalmente, os meus dois favoritos eram o Luke e o Han; adicionei-me ao último, e queria ser tão fixe como ele. Adorei os caçadores de recompensas, adoro o Darth Maul … mas uma das melhores experiências que tive durante todos estes anos foi o fato de poder contribuir para novos personagens, e ajudar a criá-los. Além do Proxy, estou extremamente orgulhoso do Delta Squad do Republic Commando. Adoro o Nym e o planeta Lok dos Jogos Starfighter (o Haden Blackman criou aquele personagem) e adoro todos os personagens do Force Unleashed (TFU).

SWCP: Após ter deixado de trabalhar na LucasArts,tem tido mais algum trabalho relacionado com Star Wars (além da SWCV)?

D.C: O Matthew Wood disse-me recentemente que “Você nunca deixará a Lucasfilm.”Acho que isso é verdade. E estou tão contente, porque sou agora um grande fã de Star Wars mais do que alguma vez fui!

Desde a saída da LucasArts em Janeiro de 2011,estou orgulhoso por ver dois projetos em que trabalhei em parceria desde então: Lego Star Wars III, e Star Wars The Old Republic. Também tive aparições regulares no Forcecast e no Clone Wars roundtables. Na última temporada de férias, criei “uma cena eliminada” de Star Wars Holiday Special que eu escrevi, produzi e executei. Foi uma cena que apresentou o Han Solo e o Chewbacca. Foi apresentado no Forcecast, e levado ao Kyle Newman que me fez uma audição como Han Solo num drama de rádio que ele escreveu chamado Star Wars Smuggler’s Gambit.Apresentámo-lo ao vivo na Celebração VI, e espero que seja lançado logo para que toda a gente o possa ouvir!
SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos fãs?

D.C: Obrigado a todos pelo vosso carinho e apoio! Sinto-me abençoado por fazer parte da comunidade de fãs de Star Wars. Realmente é uma família mundial. Espero ver todos vós brevemente, e que a Força esteja convosco!
P.S(SWCP): Informamos que quando esta entrevista foi efetuada, ainda não estava confirmada a presença do David na 2ª edição da SW Celebration Europe.





English Version:

SWCP: You were the lead sound designer and voice director with the videogames division at Lucas Arts. Could you tell us a bit more about your work there?

 

D.C: Hello, and thanks for the interview! Yes, I was at LucasArts for over a decade, working on (literally) dozens of Star Wars games. I would say that the standouts were definitely Star Wars Republic Commando, Star Wars The Force Unleashed, Star Wars Battlefront II and the Lego Star Wars games. My job was wonderfully creative, and I had the pleasure of working with (and trying to match) sounds that Ben Burtt and Matthew Wood had made for the Star Wars

Films. I learned so much at such a young age… I was only 24 when I started at LucasArts (and had only been 23 when I first started on the Scoring Stage at Skywalker Sound back in 1999). I am very fortunate to have had the opportunities that I’ve had, and working with the Star Wars property is one of the most satisfying experiences of my career.

Sound Design was how I initially started. As the years progressed, my acting background started to take over, and I began to voice direct. I love working with other actors. Towards the end, I was doing it almost full-time, although I designed and mixed a lot of trailers (The Old Republic, Force Unleashed, etc).

 

SWCP: You were also the voice of PROXY the droid in the videogame Star Wars: The Force Unleashed. How did you come to work on this area?

 

D.C: Great question! What’s interesting is that I started doing Voiceover at LucasArts almost immediately back in 2000. It started with what are called “scratch” voices, which are recordings used to test the script before the actors were cast and recorded. People took notice of my vocal performances. I also started doing a lot of creature and alien voices. But my break came while working on KOTOR… the voice director (who eventually became my boss, Darragh O’Farrell) heard me do a Trandoshan, and thought it was so unique that he got me into the actor’s union because he wanted to use it. Around that same time, a producer heard my work and mentioned that his wife was a talent agent. Within one year, I had an agent and was eligible to be in union titles at LucasArts. From there, I ended up playing the

Trandoshans in Kotor and Republic Commando, playing officers and pilots in  Battlefront and Empire at War, doing gibberish recordings for the Lego games, and even playing Nute Gunray in the Episode III video game. PROXY is kind of the next step in the evolution of my VO career, but it was the first time that I got to play a main character of any significance for LucasArts. It didn’t happen instantly, and I think it comes down to understanding the character and creating a performance during rehearsals that the cast and crew liked.

My role on the project at one point was to read all characters that had not yet been cast (including Vader, Bail Organa… I even read Juno at one point across from Sam Witwer in his audition). One of the characters that I read quite a bit (even after shooting had started) was PROXY. The cast and crew really responded to my read.

Sam and I have been friends for many, many years (long before he was cast as Starkiller in TFU), and he was a big part of getting me that role, as were Nathalie Cox and Adrienne Wilkinson, who laughed and reacted to my performance during our first table read. I have to give credit to Jason Osipa as well, who instantly started pushing for me to play the role. The producers took notice.

Multiple rounds of auditions were held, but nobody seemed to play it the way it was written: PROXY is dangerous, but he’s innocent. I’ve always felt that he is such a unique, wonderful character in this regard. In the end, they felt that I was the best fit for the role, so they did a few test recordings and ultimately used my performance.

 

SWCP: You have been the host at Star Wars Celebrations IV,V and VI.Will you have the same functions at Star Wars Celebration Europe II?

 

D.C: I certainly hope so! No official conversations have taken place because it’s too early in the planning stages, but Lucasfilm knows I’m interested. I was invited to go the first Celebration Europe in London back in 2007, but my production schedule on Force Unleashed 1 was too demanding at the time. Still sad I missed it! I’m hoping to make this one, as I really would love to meet more European Star Wars fans. I’ve been to Germany several times for work purposes, and it’s such a beautiful country.

 

SWCP: Do you have a favorite character of Star Wars?

 

D.C: Traditionally, my two favorites were Luke and Han; I related to the former, and wanted to be as cool as the latter. I loved the bounty hunters, I love Darth Maul… but one of the greatest experiences I’ve had over the years was contributing to new characters, and helping to create them. Beyond PROXY, I am extremely proud of Delta Squad from Republic Commando. I love Nym and the planet Lok from the Starfighter Games (Haden Blackman created that character), and I love all of the characters from the Force Unleashed series.

 

SWCP: After have stopped working in LucasArts and Skywalker Sound, have you been having from that time, any kind of work related to Star Wars? (Excluding SW Celebrations)

 

D.C: Matthew Wood said to me recently that “You never leave Lucasfilm.” I’ve found that to be true. And I’m so glad, because I’m a bigger Star Wars fan now than I ever have been! Since leaving LucasArts in January of 2011, I’ve been proud to see two projects that I worked on ship since then: Lego Star Wars III, and Star Wars The

Old Republic. I also have made regular appearances on the Forcecast and the Clone Wars roundtables.

Last Holiday season, I created a “deleted scene” from the Star Wars Holiday special that I wrote, produced and performed. This was a scene that featured Han Solo and Chewbacca. It was played on the Forcecast, and led to Kyle Newman casting me as Han in a radio drama he wrote called Star Wars Smuggler’s Gambit. We performed it live at Celebration VI, and I hope it’s released soon so that everyone can here it!

 

SWCP: What message would you like to leave for your fans?

 

D.C: Thank you for all of the love and support! I feel blessed to be part of the Star Wars fan community…. It truly is a world-wide family. I hope to see everyone soon, and May the Force Be With You!


sábado, 25 de maio de 2013

30º Aniversário de `O Regresso de Jedi´

  

Celebrou-se ontem o 30 aniversário do 6º filme de Star Wars:O Regresso de Jedi.Em jeito de homenagem,o grupo Furious fanboys editou um pequeno vídeo com algumas das melhores cenas desse filme.

Merchandising do SWCP

Para aqueles que recentemente aderiram ao nosso clube e que ainda não têm estes artigos,podem ficar a conhecer um pouco mais sobre as nossas atividades ao adquirirem por apenas 5 Euros o DVD respeitante ao ano de 2012 com bastantes fotos e videomontagens das nossas atividades,novos sócios,etc.Temos ainda já só seis exemplares do selo oficial do clube emitido pelos CTT,uma edição limitada a apenas 20 exemplares.Baixámos o preço unitário para 2 Euros(para entregas em mão )continuando o preço de 3 Euros se quiserem que seja enviado pelo correio.

sexta-feira, 24 de maio de 2013

X-Wing em LEGO à escala real

 

Um enorme Caça X-.Wing construído em LEGO na loja LEGO Model em Kladno/República Checa,foi apresentado em Times Square,Nova Iorque.Com mais de 5 milhões de peças,levou cerca de 17 mil horas a ser construído por 32 pessoas.Este modelo irá ficar exposto na Legoland California.
Fonte:http://www.dailymail.co.uk/
Via:Luís Oliveira

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Dois fãs brasileiros de Star Wars

Provando que o nosso blogue também é visto por fãs do outro lado do Atlântico,mostramos algumas fotos enviadas pelo  nosso leitor e futuro sócio brasileiro Rafael Matera e do seu filho Eric,que foram tiradas na sua visita aos estúdios Hollywood e Legoland/Florida.

George Lucas em papel

Brian Gubicza criou este engraçado modelo em papel do George Lucas,o criador de Star Wars com o icónico dróid R2D2.A respetiva template para download pode ser descarregada neste LINK .

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Entrevistas SWCP: Kelsee Devoreaux

A Americana Kelsee Devoreaux é uma atriz/dupla que participou em filmes e séries como:Matrix Reloaled,Terminator IV,NYPD Blue e Scream II.Kelsee tem sido a dupla de várias atrizes como Jada Pinkett Smith,Janet Jackson,Nia Long,entre outras.


SWCP: Podemos dizer que o Greg Elam foi o seu mentor na profissão de dupla?

K.D: Sim, podemos dizer que foi.

SWCP: Foi uma longa e dura etapa até se tornar uma dupla profissional? Quais foram as maiores dificuldades que encontrou?

K.D: A viagem foi longa e difícil, mas valeu a pena. As minhas maiores dificuldades decorreram quando era uma mãe solteira. Outra grande questão tem a ver com o de ter o cuidado para não dormir durante o meu caminho até ao topo da carreira de dupla. Acabei com várias relações com atores duplos"6 pack". Construí a minha carreira de dupla pelo poder de Deus, e o Deus do talento deu-me grandes treinadores como: Greg Elam e seus filhos (Kiante/Oushun), Gregg Dandridge e o Jalil `Jay´Lincham.

SWCP: De entre as várias dobragens que fez para atrizes célebres, qual foi a que lhe deu mais prazer em trabalhar?

K.D: Aquele que me deu mais gozo em ser o seu duplo foi necessariamente o da Jada Pinkett Smith quando trabalhámos em Matriz Reloaled. Outro grande momento foi quando o Jamie Foxx decidiu entrar no Táxi quando nós filmámos o filme nomeado para um Óscar 'Danos Colaterais' onde também participaram o Tom Cruise e a Jada. Ele dirigia o Táxi tão rápido quanto um Duplo. Apesar de ele dirigir ao gosto de qualquer Duplo, pensei para comigo, 'Uh... Oh... Ele vai desfazer este carro... E nós iremos estar no Noticiário das 11,00 horas!' Ele pensava que estava sozinho no carro. Não sabia que eu estava no assento traseiro, até ele ter terminado de conduzir, e eu disse depois no assento traseiro, 'Oh você um duplo... Agora?' Ele pulou porque ele ficou tão surpreendido! Estive no assento traseiro toda a viagem-disse eu. E rimo-nos imenso!

SWCP: Foi a primeira mulher afro-americana a ser aceite como membro da Academia da Televisão, Artes e Ciências. O que tem a dizer sobre isso?

K.D: Penso que tem um sabor doce -amargo. O doce porque as minhas performances levaram-me à Academia de Artes de Televisão e Ciências, e amargo porque por que não estiveram lá nenhumas duplas afro-americanas a ajudar, antes de mim.

SWCP: Fale-nos do seu mais recente livro `Filmes e Televisão: Mulher-Dupla!´

K.D: O livro fala sobre como eu cresci no Sul Central (Watts) (gueto) e agora estou no topo do ramo dos duplos depois de anos a trabalhar no duro! As minhas provas e atribulações para chegar onde estou, e como Deus me abençoou para ter sucesso.

http://www.stuntphd.com/

SWCP: Gostaria de enviar alguma mensagem para as mulheres que queiram enveredar por uma carreira como a sua?

K.D: Se o vosso desejo é estar no jogo dos duplos como eu, sugiro às mulheres que treinem como um soldado do exército e treinem especificamente em lutas, juntamente com outras habilidades como: condução, quedas, exercícios físicos de ginásio, desportos e ângulos de câmara somente para denominar alguns. Então aí se tornarão...Duplas!Darem sempre para a frente... Não para trás! E temendo a Deus ajuda as pessoas a serem salvas!

English Version:

The American Kelsee Devoreaux is an actress/stuntwoman who participated in several movies and series such as: Matrix Reloaled, Terminator IV, NYPD Blue and Scream II.

SWCP: We can say that Greg Elam was your mentor in your stuntwoman´s career?

K.D: Yes you can say that.

SWCP: Was it a long and hard journey until you come into a stuntwoman? What your biggest difficulties were?

K.D: The journey was long and hard, but worth it. My biggest difficulties back then was being a single parent. Another big issue was making sure I didn't sleep my way to the top of the stunt game. I turned down a many of dates from a lot of 6 pack stuntmen. I got my stunt career by the power of God, and the talent God gave me, along with great trainers such as: Greg Elam and his sons (Kiante/Oushun), Gregg Dandridge and Jalil "Jay" Lynch.

SWCP: Among several doubling that you played for famous actresses, which was the one who gave you more enjoy to working?

K.D: The one that gave me the most enjoyment to stunt double has to be: Jada Pinkett Smith when we worked on: The Matrix Reloaded I also think a great moment was when Jamie Foxx decided to get into the Taxi when we were filming the Oscar Nominated film: "Collateral" also starring: Tom Cruise and Jada.

He was driving the Taxi all fast, like a Stuntman. Although he was driving all Stuntman like, I was cool, but thought, "Uh...Oh...He wrecks this car...we gon be on the 11:00 o'clock News!" He thought he was in the car alone. He didn't know I was even in the backseat, until he finished-up, and I said from the backseat, "Oh you a...stuntman now?" He jumped because he was so surprised I was in the backseat. We just laughed!

SWCP: You were the first African American stuntwoman to be accepted as a member of the Academy of Television Arts & Sciences. What do you think about that?

K.D: I think its bitter sweet. Sweet because my accomplishments got me into the Academy of Television Arts & Sciences, and bitter because why haven't there been any African American stuntwomen help to do this, before me.

SWCP: Tell us about your current book "Film & Television: Stuntwoman!"

K.D: The book is about how I grew up in South Central (Watts) (ghetto) and now am at the top of my game in the stunt business after years of hustling hard! My trials and tribulations to get at the top of stunts, and how God blessed me to succeed.

www.StuntPhD.com

SWCP: Would you like to send a message for the women who want to be a stuntwoman?

K.D: If your desire is to be in the stunt game like me. I suggest you woman-up like an army soldier and train specifically in fights, along with other skills such as: driving, high falls, gym work-outs and camera angles just to name a few. "Then get yo...stunt On!...Hustle forward...Not backward!" And becoming a God fearing Saved person helps!

terça-feira, 21 de maio de 2013

Galeria do colecionador:Luís Oliveira

Estas são algumas fotos da coleção Star Wars do nosso sócio Luís Oliveira,que contém várias figuras vintage da Kenner,Legos e memorabilia de `O Regresso de Jedi´.
 

segunda-feira, 20 de maio de 2013

O futuro dos jogos de Star Wars

Segundo um comunicado oficial do site Starwars.com,a LucasFilm e a Disney escolheram a empresa EA para produzir os próximos jogos de Star Wars.A Dice,Visceral e a Bioware também se juntarão a este acordo.Por outro lado,a Disney Interactive vai focar-se em criar jogos da saga mais casuais para audiências mais sociais que gostem de jogar online através dos Smartphones e Tablets.Fonte: http://www.entermedia.mx

Capacete do Vader em papel à escala real

O Website japonês Tamasof tem disponível para download gratuito um modelo do capacete do Darth Vader à escala real para construir em papel: P1190.pdo (633KB) este modelo está no formato PDO pelo que têm de abri-lo com o Pepakura viewer .

domingo, 19 de maio de 2013

Entrevistas SWCP: Cam Kennedy

Cam Kennedy, é um artista escocês que está associado às maiores editoras americanas: DC Comics,Dark Horse e Marvel Comics.


SWCP: Fale-nos dos seus trabalhos DE Star Wars na Dark Horse Comics .

C.K: Tendo terminado ‘light and darkness war’para contos épicos, Nova Iorque, Tom Veitch e eu procurávamos algo mais para fazer. A Marvel (Epic) possuía a licença de Star Wars mas a sua produção de BD sobre SW estava em queda, com vendas muito baixas. O Tom perguntou-me se eu gostaria de fazer alguma coisa de SW. Abordámos o falecido Archie Goodwin que nos deu o seu aval para avançarmos com o projeto. A Lucasfilm ficou muito impressionada com a nossa apresentação e aceitou que nós fizéssemos uma primeira série de 6 livros. Tinha acabado de terminar o primeiro livro, a primeira parte do Império Escuro, quando a Marvel perdeu a licença para a Dark Horse Comics. Nessa altura, a LucasFilm queria concluir o segundo livro de uma segunda série. Assim começou a minha associação com a Dark Horse Tendo terminado os dois primeiros livros, a LucasFilm e a DH quiseram uma terceira série de Dark Empire.

Recusei-me, e optei em vez disso, por fazer uma série de livros baseados no caçador de recompensas, Boba Fett. Pedi ao meu bom amigo John Wagner (Juiz Dredd) para escrever os três primeiros Fetts. Muito tempo depois de desenhar e pintar as duas histórias do Fett, decidi que já tinha feito bastante sobre Star Wars e comecei a trabalhar noutros projetos diferentes de SW.

SWCP:Qual foi o seu primeiro trabalho publicado?

C.K: Penso que teria sido uma história com 64 páginas a preto e branco sobre a WW2 (2ª guerra mundial) do publicador Fleetway em Londres. Que me lembre, essa BD de bolso intitulava-se ‘biblioteca das imagens de Batalha’ e a série apresentou só histórias sobre a WW2. Muitos artistas espanhóis, italianos e sul-americanos cortaram os seus dentes nesses livros. Foi em 1967. Não me lembro do título da primeira BD que fiz. No ano seguinte, comecei com 'Comando' para a D.C. da autoria de Thomson, o publicador escocês. 'Comando' tinha o mesmo formato, os mesmos temas que ‘Batalha´.

SWCP: Tem algum “ídolo” na sua área profissional?

C.K: Não tenho nenhum 'ídolo' embora eu sempre admirasse as obras de arte do artista espanhol, Vitor de la Fuente. Depois de muitos anos a seguir o seu trabalho, finalmente consegui passar algum tempo com ele e com a sua família na sua casa em Paris. Um grande ser humano e um maravilhoso pequeno génio. Infelizmente, o Vítor faleceu há alguns anos.

SWCP: Ouvimos dizer que o seu personagem favorito de Star Wars é o Boba Fett.O que o atrai mais nesse personagem?

C.K: Nunca tendo sido um grande fã de SW posso vê-lo do exterior e o único personagem quem achei interessante foi o Boba. Ele ajustou-se diretamente à minha paixão pela sucata metálica, sujeira, personagens sujos, escuridão, guerreiros... E armamento.

SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos leitores da BD de Star Wars?

English Version:   Cam Kennedy is a Scottish comic’s artist .Cam has been associated with all the major American comics’ publishers such as: DC Comics, Dark Horse and Marvel Comics.

SWCP: Tell us about your works on Dark Horse Comics regarding Star Wars.

C.K: Having finished ‘light and darkness war’ for epic comics, New York, Tom Veitch and I were looking for something else to do. Marvel (Epic) owned the license for Star Wars but their output of SW comics was down to a trickle with very low sales. Tom asked me if I’d like to do some SW. We approached the late Archie Goodwin at Epic. Archie gave us the go-ahead. Lucasfilm were very impressed with our presentation and agreed for us to do a first series of 6 books. I had just finished book 1, part 1 of Dark Empire, when Marvel lost the license to Dark Horse comics. By the time Lucas had seen book 2 they wanted a second series. Thus began my association with Dark Horse. Having finished DE 1 and 2, Lucas and DH wanted a third series of DE. I refused, and opted instead, to do a series of books based on the bounty hunter, Boba Fett. I asked my good friend John Wagner (judge Dredd) to write the first three Fetts. Much later, after drawing and inking 2 b/w Fett stories, I decided I’d done enough SW and moved on to non SW projects.

SWCP: What was your first published work?

C.K: That would have been a 64 page b/w WW2 story for Fleetway publisher in London. From memory, these pocket-sized comics were entitled ‘Battle picture library’ and the series featured only stories from ww2. Many Spanish, Italian and south American artists cut their teeth on these books. That was around
1967. I don’t remember the title of that first comic I did. The following year I started on ‘Commando ‘comics for D.C. Thomson, the Scottish publisher. ‘Commando’ were same format, same theme as ‘Battle ´.

SWCP: Do you have any "Idol" in your professional area?

C.K: I don’t have any ‘idol’ as such though I had always admired the artwork of the Spanish artist, Victor de la Fuente. After many years of following Victor’s work I finally got to spend some time with him and his family at their home in Paris. A great human being and a wonderful little genius. Sadly, Victor passed away a few years ago.

SWCP: We hear that Boba Fett is your Star Wars favorite character. What attracts you more in this character?

C.K: Never having been a great fan of SW I could look at it from the outside and the only character who struck me as interesting was Boba. He fitted right into my passion for metallic junk, dirt, dirty characters, gloom, warriors...and weaponry.

SWCP: What message would you like to leave for all readers of Star Wars comics?

C.K: I appreciate that there are people out there who derive a great deal of pleasure from SW, and if that’s your love and joy....then, may the force be with you.

Cam Kennedy- Scotland 2013.





sábado, 18 de maio de 2013

Fotos da Star Tours/2010

O nosso sócio Luís Oliveira enviou-nos umas fotos que tirou aquando da sua visita à Disneyland/Paris em 2010 na área da Discoveryland dedicada ao tema Star Wars(Star Tours).Pedimos aos nossos leitores que nos enviem por e-mail fotos de locais que tenham visitado que abordem esta temática.

sexta-feira, 17 de maio de 2013