sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Figura de 12" do Capitão Rex

A Slideshow já tem para pré-venda a figura de 12" do Capitão Rex(Armadura fase 2),o líder da 501 st durante as guerras clónicas.Preço:US§169,99

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Entrevistas SWCP: Holt McCallany

O ator e produtor Holt McCallany tem participado em vários filmes e séries como: Gangster Squad,Heroes,CSI: Miami,Monk,Alien III,entre outros.
SWCP: Aos 14 anos de idade, fugiu de casa, tendo apanhado um autocarro para Los Angeles a fim de perseguir o seu sonho de se tornar um ator.O que o motivou a aspirar a uma carreira como ator desde muito jovem?
H.M: Os meus pais eram ambos atores. Eles trabalharam principalmente na Broadway, mas a minha mãe participou também em alguns filmes nos anos 50.Um deles era um filme chamado "Esta poderia ser a noite" com a sua amiga íntima Neile McQueen que estava casada com a grande estrela do cinema americano Steve McQueen. Eu achava que o Steve era a cara mais fixe do mundo. E queria ser como ele, então apanhei um autocarro para Hollywood para tentar me tornar um ator.
SWCP: Fale-nos do seu trabalho no filme Alien 3.
H.M: Alien 3 foi o primeiro filme do lendário diretor David Fincher. Também foi o meu primeiro grande filme. Filmámos durante cinco meses em Londres e foi uma experiência incrível. Alguns anos mais tarde, o David ofereceu-me um papel em “Clube de combate “com o Brad Pitt e o Edward Norton, um dos meus filmes favoritos. 

SWCP: Está actualmente a trabalhar no filme `Run all night´em que contracena com o Liam Neeson.Que balanço faz desse projecto?
H.M: Venho de uma família irlandesa do lado do meu pai e "Run All Night"é um filme sobre gangsters irlandeses em Nova Iorque, então eu tinha que estar nele. Também adorei o Liam Neeson tanto como ator como pessoa.
SWCP: Tem trabalhado com inúmeras celebridades da indústria cinematográfica como Brad Pitt,Liam Neeson,Nick Nolte,Sean Penn,entre outros. Lembra-se de alguma situação engraçada com algum desses atores durante as filmagens? 

H.M: No filme "Gangster Squad"o Sean Penn pediu-me para vir para o seu trailer dizendo-me que era "muito importante". Estava a tentar descobrir o que poderia ser. Quando cheguei ao seu trailer ofereceu-me uma vodka! Eu disse "é por isso que você queria me ver?" Ele respondeu: "às vezes uma boa vodka é muito importante." O Sean é muito divertido para se trabalhar com ele.
SWCP: Interpretou o papel de um pugilista alcoólico e revoltado em `Lights Out´.É um aficionado do boxe? Que preparação teve para este papel?
H.M: "Lights Out" foi o meu melhor papel. Eu tenho uma paixão pelo boxe. Foi tão maravilhoso estar no ginásio todos os dias com todos os lutadores a treinar-me como um pugilista profissional. Eu até fiz uma luta amadora para testar as minhas habilidades e venci. 

SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos seus fãs?

H.M: Estou muito grato aos meus fãs em todo o mundo pelo vosso apoio. Por favor, vejam o novo filme do Michael Mann que tem como estrela principal o Chris Hemsworth e que vai sair ainda este ano. É um ótimo filme e eu tenho uma boa participação nele. Espero que os meus fãs se divirtam com esse filme. 

ENGLISH VERSION:
The american actor and producer Holt McCallany,participated in several films and series such as: Gangsters Squad, Alien III,Heroes,CSI:Miami,Monk,among others.
SWCP: When you had fourteen years old, you ran away from home and took a bus to L.A to pursue your dream of becoming an actor. What motivated you to pursue this dream?
H.M: My parents were both actors. They worked mostly on Broadway but my mother made a few films in the 1950's. One of them was a movie called "This Could be the Night" with her close friend Neile McQueen who was married to the great American movie star Steve McQueen. I thought Steve was the coolest guy in the world. I wanted to be like him, so I took a bus to Hollywood to try to become an actor. 

SWCP: Tell us about your work on `Aliens 3´?
H.M: Alien 3 was the first film from legendary director David Fincher. It was also my first big film. We shot for five months in London and it was an incredible experience. A couple of years later David offered me a role in "Fight Club" with Brad Pitt and Edward Norton, one of my favorite films.
SWCP: You are currently filming `Run all night´ with Liam Neeson.What balance do you make of this project?
H.M: I come from an Irish family on my father's side and "Run All Night" is about Irish gangsters in New York so I had to be in it. Also I really like Liam Neeson as an actor and a person. 

SWCP: You have worked with several celebrities from the movies industry such as Brad Pitt, Sean Penn, Nick Nolte, Liam Neeson, among many others. Do you remember of any funny situation with some of them, during filming?
H.M: On the film "Gangster Squad" Sean Penn asked me to come to his trailer one day, he said it was "very important". I was trying to figure out what it could be. When I got to his trailer he offered me a vodka tonic! I said "this is why you wanted to see me?" He replied "sometimes a good vodka tonic is very important." Sean can be a lot of fun to work with. 

SWCP: You played the role of an aging, punch-drunk fighter on `Lights Out’. Are you a fan of boxing? What kind of preparation did you have for this role?
H.M: "Lights Out" was my best role. I have a long love affair with the sport of boxing. It was so amazing to be in the gym every day with all the fighters and training like a professional boxer. I even took an amateur fight to test my skills and I won.
SWCP: Would you like to leave a message for your fans?
H.M: I'm very grateful to my fans all over the world for their support. Please see the new Michael Mann film starring Chris Hemsworth that will come out later this year. It's a great movie and I have a really good part. I hope my fans will enjoy it. 


terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Sabre do Vader carregador de baterias

 
A Brando tem à venda uma réplica do punho do sabre do Darth Vader que serve para carregar baterias de Smartphones,Iphones,etc.Traz um cabo USB incluido e uma bateria de Lithium.Dimensões: 16x4,2x3,1 cm.Preço: US§49,90.
Fonte:Thegadgeteer.com

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Entrevistas SWCP: Kiff VandenHeuvel

Kiff VandenHeuvel é um ator e voice over que trabalhou em filmes e séries como: Por detrás do candelabro,Nightcrawler,Star Trek:Into darkness e em videojogos, onde foi a voz do Skavak em Star Wars:THE Old Republic.
SWCP: Fale-nos do seu personagem (Skavac) no jogo SWTOR.
K.V: O Skavak é um contrabandista, sendo por vezes também chamado de Chacal das Estrelas. Eu gosto dele assim. Ele é um tipo egoísta que realmente só se preocupa consigo mesmo e trairá alguém se isso o ajudar a realizar os seus objetivos pessoais. Eu senti que ele foi o mau Han Solo, e tentei interpretá-lo dessa forma, com um grande sorriso e desfrutar de bater em toda a gente que tentou pará-lo. Não me identifico necessariamente com o personagem, mas diverti-me imenso a interpretar este personagem.
SWCP: Interpretou também a voz do Jordel Tlan,um agente imperial?
K.V: Sim, também fiz esse personagem. Ele é igualmente um grande vilão e foi muito divertido interpretá-lo. 

SWCP: Qual foi o personagem que teve mais dificuldade em fazer a sua voz?
K.V: O Skavak forneceu alguns desafios únicos. Fizemos a nossa primeira sessão de gravação em Agosto de 2008 e logo depois a LucasArts/Bioware tinha feito algumas modificações ao personagem e voltei ao estúdio quase um ano depois para gravar muito mais. É engraçado que os personagens difíceis de interpretar são muitas vezes aqueles que morrem dos modos mais horríveis. O trabalho vocalmente stressante é facilmente a minha parte favorita, e não me lembro de gritar muito para esse personagem. Fiz uma sessão para alguns DCL para o jogo Aliens: Colonial Marines onde a minha voz foi somente destruída para interpretar de maneiras diferentes o personagem a morrer, de balas, e queimaduras de ácido. Isto fá-lo resistente. Mas zombar do jogador e fazer observações sugestivas é realmente divertido, e tive uma performance explosiva nesses papéis.
SWCP: Trabalhou com o Jake Gyllenhaal em `Night Crawler´.Como foi essa experiência?
K.V: O Jake Gyllenhaal é um tipo maravilhoso e um verdadeiro talento. Também trabalhei naquele dia com uma das minhas atrizes favoritas, a Rene Russo, com quem já tinha trabalhado em Tin Cup e Na Linha de Fogo. O Jake foi muito generoso e muito divertido a improvisar comigo nos estúdios, e a Rene foi extremamente encantadora e charmosa. (E ela a cheira flores!)
SWCP: Que mensagem quer enviar aos fãs de SWTOR? 

K.V: A minha mensagem para os fãs de SWTOR é OBRIGADO! Muito obrigado por passarem o tempo a seguir a história e a participar nela. Sinto-me muito honrado por me pedirem para responder a esta entrevista. E como seguramente calculo, por favor não deem 'Pontapés Sujos' ao Skavak. Cada vez que alguém o faz, eu sinto-o!

Muito obrigado!  

ENGLISH VERSION:
Kiff VandenHeuvel is an actor who participated in films and series such as: Behind the Candelabra, Night Crawler and Star Trek: Into the darkness. As a voice over, he was the voice of Skavac in videogame Star Wars: The Old Republic.
SWCP: Tell us about your character (Skavak) in Star Wars: The Old Republic.
K.V: Skavak is a smuggler, rouge, and is sometimes called the Jackal of the Stars. I like that. He's a selfish guy who is really only looking out for himself and will betray anyone if it will help him achieve his personal goals. I always felt he was evil Han Solo, and I tried to play him that way, with a big smile, and a broad smirk, and enjoying beating everyone who tried to stop him. I don't necessary identify with the character, but I had a ton of fun playing him.
SWCP: Did you play also the role of Jordel Tlan, an imperial agent?
K.V: Yes, I did. Also a great villain and lots of fun to play. 

SWCP: What was your hardest character to play?
K.V: Skavak provided some unique challenges. We did our first recording session in August 2008 and then LucasArts/Bioware had flushed out the character more and made some changes and I went back into the booth almost a year later to record a lot more. It's funny; the difficult characters to play are often the ones who die in the most horrible ways. The vocally stressful work is easily my least favorite, and I don't remember doing much screaming for either of these guys. I did a session for some DLC for Aliens: Colonial Marines where my voice was just destroyed from performing all the different ways the character could die, from bullets, to fire, to acid burns. That makes it tough. But getting to taunt the player and make suggestive remarks is all really fun, and I had a blast performing these roles. 

SWCP: You worked with Jack Gallenhaal in `Nightcrawler´.How it was this experience?
K.V: Jake Gyllenhaal is a wonderful guy and a real talent. I also worked that day with one my favorite actresses, Rene Russo, who's work I've loved since TIN CUP and IN THE LINE OF FIRE. Jake was very generous and very fun to improvise with on set, and Rene was extremely delightful and charming. (And she smells like flowers.)
SWCP: Would you like to leave a message for SWTOR fans?
K.V: My message to SWTOR fans is THANK YOU! Thank you so much for spending the time following the story and participating in it. I am very honored that you asked me for an interview. And as tempting as I'm sure it was, please don't "Dirty Kick" Skavak. Every time someone does, I feel it. :) Thank you so much!

sábado, 22 de fevereiro de 2014

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Entrevistas SWCP: Julie Caitlin Brown



Julie Caitlin Brown é uma atriz, cantora e produtora americana com mais de 25 anos de carreira em filmes e séries televisivas como: Jag,Lei & Ordem,Babylon V e Star Trek:DS9.
SWCP: Tendo interpretado vários personagens da ficção científica, podemos dizer deduzir que é uma fã deste género? 
J.C.B: Eu sempre adorei a Ficção científica, começando com Star Trek, que a minha mãe não queria que eu visse! Fui uma fã de livros de ficção científica também, com o Asimov e Bradbury como os meus favoritos. Tendo obtido o papel da Ty Kajada em `Deep Space Nine ´foi realmente um sonho realizado!
SWCP: Criou com o seu irmão Stephen, a Sibling Rivalry Pictures.O que fazem nesse projeto? 
J.C.B: Por enquanto só fizemos uma curta-metragem intitulada, 'Thoughts of Suicide on an Otherwise Lovely Day'.
SWCP: Atualmente,produz e escreve.Deixou de vez a atuação?
J.C.B: Ainda estou atuando, acabei de fazer recentemente outra curta-metragem, ‘The Call'e o filme de comédia/horror 'All About Evil' .
SWCP: Fale-nos do seu recente projeto "Thoughts of Suicide".
J.C.B: Baseado numa parte muito difícil da minha vida, ele é uma história verdadeira. Eu andava muito stressada com o meu trabalho, e tantas coisas terríveis tinham acontecido no mundo, 9:11, entre outros, que me fizeram sentir esmagada e tão cansada do que parecia ser uma batalha perdida. Mas tive uma epifania no hospital enquanto eu recuperava de uma rutura no apêndice, isto literalmente modificou a minha vida. Eu quis compartilhar aquele momento com outros, como sei que tantos de nós se sentem sozinhos e por vezes não são ouvidos. As coisas desde aquele momento foram muito, muito bem, não sem desafios, mas além de tudo, aquele momento deu-me um caminho muito forte.
SWCP: É também manager de celebridades para aparições em eventos?
J.C.B: Sim, tenho uma agência de participações de atores em eventos. Temos aproximadamente 100 atores e trabalhamos com 120 eventos em todo o mundo. Fundei esta agência em 1997.
SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos seus fãs?

J.C.B: Sou realmente abençoada por ter tais maravilhosos fãs que continuam enchendo a minha vida de amor e apreciação. Obrigado por apoiarem a minha arte, a minha família e os meus clientes. Estamos todos nisto em conjunto, cada um de nós é tão importante para a narração da história. Às vezes somos o contador de histórias, outras vezes o público, mas sempre ligados uns aos outros. 

ENGLISH VERSION:
Julie Caitlin Brown is an actress, musician and producer with over 25 years of career in movies and TV series such us: Jag, Law & Order, Sliders, Babylon V and Star Trek: DS9. 
SWCP: Having interpreted several Sci-Fi characters, can we deduct that you are a fan of this genre of movies/series?

J.C.B: I have always loved Sci-Fi starting with Star Trek, which my mother did not want me to watch!  I was a fan of sci-fi books as well, with Asimov and Bradbury early favorites.  Getting the role of Ty Kajada on Deep Space Nine was truly a dream come true!

SWCP: You created with your brother Stephen, the Sibling Rivalry Pictures. What do you produce in this project?

J.C.B: We have only done the one short film, "Thoughts of Suicide on an Otherwise Lovely Day".

SWCP: Currently, you produce and write. Did you leave once and for the entire actress´s career? 


J.C.B: I am still acting, I just did another short film, "The Call" and the black comedy/horror film, "All about Evil" came out in 2010.

SWCP: Tell us about your recent project "Thoughts of Suicide"

J.C.B: Based on a very difficult part of my life, it is a true story.  I had been very stressed with work, and so many terrible things had happened in the world, 9:11, among others, that I was feeling overwhelmed and so tired of fighting what seemed to be a losing battle.  But I had an epiphany in the hospital while I was recovering from a ruptured appendix that literally changed my life.  I wanted to share that moment with others, as I know so many of us feel alone and unheard.  Things since that moment have gone very, very well, not without challenges, but overall, that moment set me on a very strong path.  

SWCP:  Do you also manage celebrities for personal appearances?

J.C.B: Yes, I have a personal appearance agency; we have about 100 actors and work with 120 events all over the world.  I started the agency in 1997. 

SWCP: Would you like to leave a message for your fans?

J.C.B: I am truly blessed to have such wonderful fans who continue to fill my life with love and appreciation.  Thank you for supporting my art, my family, my clients.  We are all in this together, each one of us so important to the telling of the story.  Sometimes we are the storyteller, sometimes the audience, but always connected.

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Sexta edição do Salão do Brinquedo

A 6ª edição do salão do brinquedo,volta a ser organizada pela Toy Broker na sala Veneza do Hotel Roma em Lisboa no dia 1 de Março,entre as 10,00 e as 18,00 horas com entrada livre.Esta é uma boa oportunidade para os colecionadores de merchandising de Star Wars(e não só)adquirirem colecionáveis a preços apetecíveis.

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

A Hasbro na Toy Fair 2014



A Hasbro marca forte presença na Toy Fair 20144 que está ainda a decorrer na cidade americana de Nova Iorque,onde apresenta vário merchandising relativo a Star Wars,incluindo as novas figuras de ação da série animada Rebels e da linha Black Series.Curioso o regresso de figuras monocromáticas.Fotos:
Rebelscum e Collider.com




Star Wars Rebels: Meet Kanan, the Cowboy Jedi

domingo, 16 de fevereiro de 2014

Entrevistas SWCP: Norman Woodel


Norman Woodel é um ator e ator-vocal que tem trabalhado para filmes,comerciais,vídeos musicais,narrações,áudio-dramas,teatro e videojogos.Woodel foi a voz do Braden,um caçador de recompensas no jogo Star Wars: Kotor. 

SWCP: Fale-nos do seu personagem em SW: Kotor.

N.W: É apropriado que você queira fazer uma entrevista sobre o Braden.Tem sido dito que ele "nunca atingiu a notoriedade que merecia." Em muitos aspectos, eu sou muito parecido com o Braden na minha vida real - um homem mais velho, tendo tido toneladas de aventuras na vida, desde trabalhar como jornalista de televisão, que na verdade, cobriu a morte do Elvis Presley a atuar no filme do George Lucas “Radio Land Murders”. Eu gosto do sentido de aventura e independência do Braden e, talvez o mais importante, o seu desejo sincero de passar a sua força, esperança e experiência aos outros.

FONTE DE INFORMAÇÃO:

 

SWCP: Como surgiu o convite para trabalhar neste jogo (Kotor)?

N.W: Eu tinha interpretado algumas cenas em ONI e HALO e quando o meu agente de talentos teve o pedido para as pessoas  fazerem o teste de audição para este projeto, eu fui incluído nessa audição.

SWCP: Participou no video musical da Dolly Parton `Why did you come in here’. Como foi essa experiência?

N.W: Eu estava a viver em Nashville, Tennessee, nessa época, e era o começo da explosão dos videoclipes em que toda a gente tinha uma canção para se fazer um vídeo e ser lançado nas redes de cabo como a CMT, TNN, VH1 e MTV. Cada artista de música Country precisava ter um vídeo de música, e eu estava a morar no centro de tudo.Também fiz videos músicais com Reba McEntire (fantasia) http://www.youtube.com/watch?v=zplc4Ienkws

 The Oak Ridge Boys e outros. Engraçado como a maioria dos canais de cabo que apenas reproduziam vídeos musicais tenham desaparecido. Trabalhar com a Dolly no vídeo dela foi uma verdadeira alegria. Tive de fazer uma improvisação com o meu personagem - "Jay" - e nós nos divertimos muito. Eu sou testemunha em como a Dolly é apenas a Dolly. Ela é sempre o mesmo tipo, uma pessoa doce em frente às câmaras e fora delas. 
 

SWCP: Gosta mais de atuar em palco/filmes ou de fazer atuação de voz?

N.W: Eu tenho vendido a minha voz desde 1968 e continuo a fazer algumas coisas importantes nessa área nos EUA - notícias de televisão para a CBS e para os restaurantes Subway. Eu encontro-me cada vez mais a atuar em palco. E vou estar a interpretar o papel do pai em "Golden Boy" para o Odet durante os próximos meses:


 

SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos fãs de Star Wars?

N.W: Aguentem firme- com os avanços da tecnologia - e a um ritmo extremamente rápido em que está viajando agora - desfrutem os jogos - a aventura. Mas, não se esqueçam da vossa própria aventura da vida real, longe do teclado - viagens - amor - estar totalmente vivo! Nunca percam a alegria que vem da vida real.

 





 
ENGLISH VERSION:
Norman Woodel is an actor and voice over who has worked on films, music videos, audio-dramas, commercials, narrations and videogames.Woodel was the voice of Braden, a bounty hunter in Star Wars: Kotor.
SWCP: Tell us about your character in Star Wars: KOTOR.

N.W: It’s fitting you should want to do an interview about Braden. It’s been said he’d "never quite reached the heights of notoriety he deserved.” In many ways I am much like Braden in my real life - an older man now having had tons of adventurers in life from working as a Television Journalist who actually covered the death of Elvis Presley to acting in the George Lucas Film - “Radio Land Murders”. I like Braden’s sense of adventure and independence and, perhaps most importantly, his heartfelt desire to pass on his strength, hope and experience to others.
INFORMATION SOURCE:
 
SWCP: How did the invitation come to participate in this video game?
N.W: I had played parts in ONI and HALO and when my Talent Agent got the request for people to audition for this project I was included in the audition.
SWCP: You participated in the Dolly Parton´s musical video `why did you come here’. How it was this experience?
N.W: I was living in Nashville, Tennessee at the time and it was the beginning of the music video explosion with everyone that had a song out needing to do a video to play on Cable Networks like CMT, TNN, VH1 and MTV. Every Country Music Artist needed to have a Music Video and I was living in the center of it all. I’ve also done Music Videos with Reba McEntire (Fancy) http://www.youtube.com/watch?v=zplc4Ienkws
 
The Oak Ridge Boys and others. Funny how Cable Channels that only play Music Videos have almost all gone away. Working with Dolly on her video was a real joy. I got to do some improvisation with my character - “Jay” - and we just had fun. I got to whiteness how Dolly is just Dolly. She is always the same kind, sweet person on and off camera.
 
SWCP: Do you like more acting or doing voice over work?
N.W: I have been selling my voice since 1968 and continue to do some pretty high profile voice stuff in the USA - CBS Television News and Subway Restaurants. I find myself moving more and more into Stage Plays. I’ll be playing the father in “Golden Boy” by Odet over the next couple months. INFORMATION:
SWCP: Would you like to send a message for Star Wars fans?
N.W: Hang in there - as technology advances - and it’s an extremely rapid pace at which it’s traveling right now - enjoy the games - the adventure. But, don’t forget your own personal real life adventure away from the keyboard - travel - live - love - be fully alive! Never loose sight of the joy that comes from real life eye contact.
 
 



sábado, 15 de fevereiro de 2014

Clone Wars na Netflix



A sexta e última temporada da série Star Wars: Clone Wars,vai começar a ser exibida também online em streaming service no website Netflix a partir do dia 7 de Março.Todas as anteriores temporadas estarão igualmente disponíveis neste serviço online.Infelizmente,parece que este serviço só estará disponível para os E.U.A e Canadá.

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Festa de anivº adiada

Informamos todos os nossos sócios,amigos e leitores que a nossa festa de anivº que estava prevista para o próximo dia 22 foi adiada e deverá ocorrer no dia 8 de Março.Assim que tivermos dados mais em concreto,postaremos aqui e no nosso blogue.

Posters de propaganda

A LFL lançou seis posters promocionais de propaganda imperial relativos à nova série de animação Star Wars: Rebels,que será emitida no canal Disney XD .Será paralelamente emitida uma edição limitada a 2500 exemplares de seis trading cards.Fonte: http://www.empireonline.com

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Entrevistas SWCP: Alec Gillis

Alec Gillis é um especialista em efeitos especiais, que criou algumas das criaturas mais realistas e assustadoras em filmes como: Alien 3,Alien Nation,Starship Troopers,AVP,The Thing (2011),Skyline,entre muitos outros.
SWCP: É um dos fundadores da Amalgamated Dynamics,Inc.(ADI).Como surgiu a ideia de fundar uma empresa que cria efeitos especiais para personagens e criaturas?
A.G: Estava muito feliz nos anos 80 a trabalhar para o Stan Winston, mas sempre soube que queria ser mais do que um dos seus empregados. Em 1987 ele disse muito bem que nessa indústria ' só estava interessado em ser um realizador´. Isto quis dizer que estaríamos apenas a trabalhar em filmes do Stan, e esses filmes seriam de pequeno orçamento. O Stan foi muito leal, então eu sabia que ele nunca me iria despedir. Isso me fez sentir um pouco culpado. Eu usei esse tempo de transição para traçar o meu próprio destino. Dentro de ter deixado o Stan após umas semanas, o Tom Woodruff fez o mesmo.Agum tempo depois decidimos formar a ADI. 

SWCP: Como decidiu enveredar por uma carreira em efeitos especiais?
A.G: Eu queria ser um criador de monstros desde os 13 anos de idade. Nunca questionei isso, sempre trabalhei para que isso acontecesse.
SWCP: Das criaturas que criou, há alguma por quem nutre um carinho muito especial? 

A.G: Isso é como estar a perguntar qual é o meu filho favorito! Na verdade tivemos a sorte de "herdar "o Alien e o Predador, mas não posso considerá-los verdadeiramente os meus filhos, já que nós não os concebemos originalmente. Eu adoro os vermes de `Tremors´ porque eles têm mais da minha sensibilidade do projeto em si. Mas nós tivemos a sorte de trabalhar em muitas criaturas divertidas ao longo dos anos!
SWCP: É também autor de vários livros, sendo inclusive o coautor do livro AVP: The Creature effects of ADI. Fale-nos um pouco sobre esse livro.
A.G: Queríamos promover o trabalho dos nossos estúdios, os artistas do nosso ofício e a arte de animatronics em geral. Esta foi uma maneira de compartilhar com os fãs exatamente o quanto talento, paixão e suor foram usados para criar estas criaturas. E deixar os fãs conhecerem alguns dos artistas que não estão sempre nas luzes da ribalta. 

SWCP: Fale-nos do seu trabalho em Aliens e AVP.
A.G: Todos eles foram muito diferentes. Como diferentes foram os realizadores responsáveis por cada um dos filmes. Para mim, nunca haverá um filme ALIEN tão bom quanto o primeiro. O trabalho de Ridley Scott e de Giger não têm paralelo. Se os fãs podem perceber que o estúdio tornou-se cada vez mais envolvido na decisão de fazer esses filmes, isso ajuda-os a terem uma melhor perspectiva. 

SWCP: No remake de `The Thing´ (2011) tentaram assemelhar o mais possível as criaturas às do filme original ou quiseram ainda dar-lhes um ar mais assustador e realista?
A.G: Numa tentativa de acompanhar o trabalho do Giger em ALIEN, sabíamos que poderíamos possivelmente nunca recriar a magia capturada por Bottin e pelo Carpenter.O nosso trabalho foi homenagear a sua genialidade e dar às criaturas um sentido moderno enquanto ainda estadia enraizada no legado do original. A substituição do  que fizemos com o CGI foi devastadora, (para os seus leitores que não viram nosso vídeo do nosso trabalho sobre `The Thing´2011:

 Levou-me a criar o meu próprio filme: Harbinger Down, inspirado no The Thing e Alien. Com este filme queremos
dar aos fãs um pouco do que eles esperavam. Uma assustadora, criatura FX.




 ENGLISH VERSION:
Alec Gillis is a special effects artist who created some of most realistic and scary creatures in many films such as Aliens, Alien Nation, Starship Troopers, AVP, The Thing (2011), Skyline, among others.
SWCP: You are one of the Dynamics, Inc. (ADI) founders. How the idea appeared of establishing an enterprise to create special characters and creatures effects? 

A.G: I was pretty happy back in the 80's working for Stan Winston, but always knew I wanted to be more than one of his workers. In 1987 he pretty much told the industry he' was only interested in being a director. This meant that we'd only be working on Stan's films, and those would be small budget pictures. Stan was very loyal, so I knew he wouldn't ever fire me. That made me feels a bit guilty. I used that transition time to strike out on my own. Within a few weeks of leaving Stan's, Tom Woodruff did the same. A while later we decided to form ADI.
SWCP: How did you decide to pursue a career in creature effects?
A.G: I had wanted to be a monster maker since I was 13 years old. I never questioned that, just worked towards it.
SWCP: Among all characters that you created, is there anyone as whom you have a special fondness?  

A.G: That s like being asked to choose a favorite child! Actually we have been lucky to inherit the Alien and the Predator, but I cannot consider them to truly be my own children, since we did not design them originally. I love the TREMORS worms because they have more of my design sensibilities in them. But we've been lucky to work on many fun creatures over the years!
SWCP: You are also author of several books, being co-author of a book called AVP: The creature effects of ADI.Tell us a bit more about this book.
A.G: We wanted to promote the work of our studio, the artists in our craft and the art of animatronics in general. This was a way to share with fans of the franchise exactly how much talent, passion and sweat goes into creating these creatures. And let the fans get to know some of the artists who are not always in the limelight. 

SWCP: Tell us about your work on Alien 3 and AVP feature films.
A.G: They've all been so different. As different as the directors who are in charge of each. To me there will never be an ALIEN film as great as the first. The work of Ridley and of Giger is unparalleled. We are but caretakers. If the fans can realize that the studio has become increasingly more involved in the decision making in these films, it helps to put them in perspective.
SWCP: In the remake of `The Thing´ (2011) did you try to liken more as possible the creatures to the original ones, or did you want to give one realistic and more frightening effect? 

A.G: As in trying to follow up Giger's work in ALIEN, we knew we could never possibly re-create the magic captured by Bottin and Carpenter. Our job was to pay homage to their genius and give the creatures a modern feel while still stay rooted in the legacy of the original. The replacement of what we did with CGI was heartbreaking, (for your readers who haven't seen our video of work cut from THE THING 2011: http://www.youtube.com/watch?v=fBzpT7VmSaU)
It led to me creating my own THING and ALIEN inspired film HARBINGER DOWN. With this film we hope to give fans a bit of what they've been longing for. Freaky, scary PRACTICAL creature FX.