terça-feira, 30 de Setembro de 2014

Um fanático colecionador

O músico britânico Martin Fillery,afirma que a sua coleção de merchandising e adereços do cinema vala mais de 100 mil Libras.A sua namorada convenceu-o a vender o enorme Imperial Scout Walker
(AT-ST) à escala real que tem no seu quintal e que estará à venda por 10 mil Libras.Mas a sua namorada não pense que se vai ver livre da "tralha" de colecionáveis pois  com a venda deste artigo,ajudará Martin a comprar dois Batmobiles e a carrinha dos Ghosthbusters!
Fonte: Dailymail.co.uk



segunda-feira, 29 de Setembro de 2014

Gabriel o escultor

A paixão que Gabriel Dishow tem em trabalhar o metal e objetos mecânicos,foi crucial para a evolução da sua arte e imaginação,esculpindo magníficas peças feitas com partes usadas de máquinas de escrever,computadores velhos,etc.Mostramos aqui algumas imagens das suas peças dedicadas a Star Wars.Todos os trabalhos deste artista podem ser visualizados em: http://gabrieldishow.com
 

domingo, 28 de Setembro de 2014

Entrevistas SWCP: Barney Burman


Barney Burman é um galardoado artista especializado em efeitos especiais de maquilhagem para a indústria cinematográfica e televisiva.

SWCP: Em 2009,foi galardoado com um Óscar da Academia para a melhor maquilhagem no filme `Star Trek´.Este galardão foi um grande incentivo para a sua carreira ou foi apenas mais um prémio pelo seu trabalho? 

B.B: Na verdade, recebi o Óscar em 2010; o filme foi lançado em 2009. Entrei naquele filme sem qualquer pretensão de realmente ganhar um Óscar,não achei que realmente seria possível, mas eu queria criar um trabalho que fosse pelo menos digno dele. Então quando nós fomos nomeados para a categoria de artistas de maquilhagem e cabeleireiro, foi um reconhecimento enorme para mim. Na verdade, ter recebido esse prémio foi definitivamente uma das melhores noites da minha vida, tenho de dizer, só fiquei a saber quando as cartas foram dadas naquela noite. Estou muito orgulhoso do trabalho que fizemos naquele filme, foi uma incrível equipa de talentos, e noutro ano, com uma concorrência diferente, não poderia ter vencido. Nós éramos o centro das atenções. Depois disso, bem eu diria que o prémio certamente abriu muitas portas e que definitivamente tive oportunidades de trabalho que não poderia ter começado antes, então é claro, ajudou. Também recebi um Saturn Award para o mesmo filme e sinto-me tão honrado. Sinto cada reconhecimento, seja ele um prémio ou uma carta de fã ou simplesmente alguém apertando a minha mão e dizer "Parabéns" como uma grande honra, porque eles o são.

 

 

SWCP: Fale-nos do seu trabalho na popular série `Grimm´que está actualmente a ser exibida em Portugal.

B.B: É ótimo saber que está sendo tão bem recebida do outro lado do oceano, bem como nos Estados Unidos. É tão divertido mostrar o trabalho do elenco e da equipa, são pessoas verdadeiramente surpreendentes. É com muito prazer que estou a trabalhar com todos eles, sinto-me com sorte todos os dias quando estou nos estúdios. O desafio está em criar coisas que os escritores inventaram no espaço temporal que temos de construir. Acho que a mais longa que tivemos num episódio, durou 12 dias e nesse tempo tivemos de fazer um traje de prótese de corpo inteiro que brilhava literalmente por dentro. Não acho que alguém já feito esse efeito antes e ter menos de duas semanas para fazer isso foi uma loucura! E nós sempre cumprimos os nossos prazos. Realmente tenho de lançar algum apreço à minha equipa por isso.

O Nick Reisinger, meu amigo e colega, faz todos os dentes e mantém as coisas a correr na oficina, onde todo o verdadeiro trabalho acontece. Enquanto isso, eu sento-me no meu escritório confortável projetando,orçamentando e programando. Ocasionalmente vou esculpir ou pintar alguma coisa antes de sair da oficina.A Sherri Smith gere o front office e ela é uma incrível perfeccionista nos detalhes, então eu sei que estou seguro de que o resultado final vai ser cuidado. A minha colega artística, faz uma grande quantidade de esculturas e pinturas na oficina, é um artista FX autodidacta italiana chamada Daniele Tirinnanzi. E o Matthew Corrigan manipula o departamento de casting,o que significa que ele supervisiona a injeção do silicone para moldes e garante que todos eles saem perfeitamente. Todos eles são super dedicados, detalhistas profissionais e tenho sorte de tê-los a trabalhar comigo.  

 


SWCP: Vem de uma família que tem uma grande tradição nesta actividade. Recorda-se de algum momento em especial da sua infância relativo à arte dos efeitos especiais?

B.B: Ah sim, muitas! Lembro-me da minha mãe me segurando nos seus braços no cenário do `Planeta dos Macacos´, estávamos a ver dezenas de atores com as máscaras de macaco e maquilhados andando por aí. Coincidentemente, 30 anos depois, eu estava com o meu filho no remake do Burton desse filme a ver os atores a correr com máscaras de macaco. Eu também tive muitas fantasias de Halloween realmente maravilhosas e nós costumávamos passear pela casa assombrada feita no nosso quintal, anos antes deste se tornar popular. Sim, eu poderia encher um livro com aventuras relacionadas com maquilhagem na minha infância. Lol!

SWCP: Chegou a trabalhar como ator em filmes como: Star Trek III,Offspring,Paranoia,entre outros.Como foi essa experiência como ator?

B.B: Eu amei todos esses papéis. Foi engraçado, tendo sido um ator por um dia...e depois serem cortadas as minhas cenas (Star Trek 3) e em seguida reiniciei muitos anos mais tarde, fazendo a maquilhagem fx em Star Trek. Eu estava terrivelmente deprimido quando vi o III e eu não ter estado nele. A minha primeira grande lição  em cortes de desgosto. Mas estou a divagar. Adoro atuar e ainda o faço de vez em quando. Sempre que alguém me pede para fazer algo do género caso eu ache que seja possível fazer. Eu nunca desisti de atuar,apenas desisti de perseguir a atuação pois leva especialmente uma pessoa a navegar no seu caminho através de todo esse esforço de rejeição e confusão. Lembro-me de fazer testes para isso e me sentir muito bem e afinal nunca receber uma chamada de volta. Por outro lado, fiz um teste para `Lois e Clark´ (da série de TV Superman) e senti-me tão falso que pensei em desistir... Mas depois acabei por conseguir o papel! É realmente uma montanha russa, e é melhor esperar se você quer realmente passar por tudo isso. 
 

SWCP: Tem algum personagem/criatura favorito?

B.B: Claro, tenho vários. A criatura brilhante de corpo inteiro da série Grimm.O nome dela era Volcanalis e foi interpretada pelo grande ator de criaturas, o Brian Steele. Também adorei a menina-rato (Helena Barrett),o Krampus (Derek Mears) e o vampiro transparente Homem-Cavalo (Sim, você leu certo, interpretado pelo Caine Sinclaire). E isto é só para citar alguns. Favoritos fora desta série, incluem a mosca alienígena do bar em Star Trek (Doug Tait) e, certamente, Les Grossman, o personagem que o Tom Cruise interpretou em Trovão Tropical.  Eu tenho orgulho do personagem Powder (Sean Patrick Flannery) e estou muito feliz com o trabalho que fiz num pequeno filme conhecido que todos devem ver chamado Shuffle. Ele foi escrito e dirigido pelo Kurt Kuenne e interpretado pelo TJ Thyne. Um monte de maquilhagens de idosos, que acho que funcionou muito bem. É realmente um filme maravilhoso.

SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos fãs do seu trabalho?

B.B: Tudo o que vocês fizerem na vossa vida, façam como se fosse a vossa paixão e terão hipótese de elas se tornarem exatamente nisso. Pelo menos para o momento vocês estarão a fazer isso. Toda a vez que eu consigo um emprego, ele se torna no meu trabalho favorito e tento sempre fazer melhor do que o anterior... Façam coisas com esse tipo de motivação e deixem o resto tomar conta de vós... E também, não dêem ouvidos aos críticos. Oiçam e aprendam com os grandes artistas que vieram antes de vós e então façam as coisas do vosso jeito!

Obrigado. Isto foi divertido!

 

 
 
ENGLISH VERSION:
Barney Burman is an academy award winning make-up artist, specializes in design and make-up effects for the film and television industries. 
SWCP: In 2009, you received the Academy Award for best make-up in a motion picture(Star Trek).This award was a great incentive for you,or was just another award for your work?
B.B: I actually received the Oscar in 2010; the movie was released in '09. I went into that film without any pretense of actually winning an Academy Award, I just didn't think it really possible, but I did want to create work that was at least worthy of it. So when we were nominated by make-up artists and hair stylists that was a huge acknowledgment for me. Actually receiving the award was definitely one of the best nights of my life, although, I will say, I do realize that that's just how the cards were dealt that night. I'm very proud of the work we all did on that film, it was an amazing team of talent, and in another year, with different competition, we might not have won. We just happened to have the popular favorite that year; we were the belle of the ball.  As for after that, well I would say that the award has certainly opened a lot more doors and I've definitely gotten job opportunities I might not have gotten before, so yeah sure, it helps. I also received a Saturn Award for the same film and I'm equally as honored. I take every acknowledgement, be it an award or a fan letter or simply someone shaking my hand and saying "Congratulations" as a great honor, because they are. 
 
SWCP: Tell us about your work on the popular TV show `Grimm ‘that is currently being broadcast in Portugal.
B.B: It's great to know that it's being so well received over seas as well as in the US. It's such a fun show to work on and the cast and crew are all truly amazing people. They really are all such a pleasure to work with, I feel lucky every day I'm on set. The challenge is in creating the things the writers come up with in the time frame we have to build it in. I believe the longest we have had on any one episode was 12 days and in that time we had to make a full body prosthetic suit that literally glowed from the inside. I don't think anyone's ever done that effect before and having less than two weeks to do it was insane! And we've always made our deadlines. I really have to throw some appreciation to my crew in the shop for that. 
 
Nick Reisinger, my friend and shop foreman, makes all the teeth and keeps things running back in the shop, where all the real work happens. Meanwhile I sit in my comfy office designing and budgeting and scheduling. Occasionally I get to sculpt or paint something before it leaves the shop as well. Sherri Smith runs the front office and she's an amazing stickler for details so i know I can feel secure that the business end will all be taken care of. My artistic frontman, doing a great deal of the sculpting and painting in the shop is a self taught Italian fx artist named Daniele Tirinnanzi. And the Matthew Corrigan handles the casting department, which means he oversees the injection of the silicone into the molds and makes sure they all come out perfectly. All of them are super dedicated, detail oriented professionals and I'm lucky to have them.   
SWCP: You were literally born into and raised around the art of make-up. Do you remember of any special moment of your childhood on this activity? 
 
B.B: Oh sure, lots! I recall my mother holding me in her arms on the set of Planet of the Apes, we were watching dozens of actors in ape masks and make-ups running around. Coincidentally, 30 years later, I was holding my own son on Time Burton's remake of Planet of the Apes, watching actors run around in ape faces. I also had many really wonderful Halloween costumes and we used to put on haunted house tours through our yard years before it became popular. Yeah, I could fill a book with make-up related adventures from my childhood. Lol
SWCP: You also worked as an actor in several films such as Star Trek III,Offspring,Paranoia,amonf others.How it was this experience as an actor?
B.B: I loved all of those roles. It was funny, having been an actor for a day--and getting cut out of--Star Trek 3 and then many years later leading the make-up fx on the Star Trek reboot. I was terribly depressed when I saw 3 and I wasn't in it. My first big lesson in cutting room heartbreak. But I digress. I love acting and still do it from time to time. Whenever someone asks me to be in something i do it if I possibly can. I never gave up acting I just gave up the chase of acting. That takes a special person to navigate their way through all that effort and rejection and confusion. I recall auditioning for things and feeling really good about it and then never getting a call back. Conversely, I auditioned for Lois and Clark (the TV Superman series) and I felt like such a fake that I was considering giving up acting all together... and then I booked it! I got the part. It's really a roller coaster ride and you'd better hang on if you want to get through it. 
 
SWCP: Do you have any favorite character/creature?
B.B: Sure, I have lots. The glowing full body creature on Grimm--his name was Volcanalis and he was played by the great creature actor, Brian Steele--was definitely one of them. I also really loved the Mouse Girl (Helena Barrett), the Krampus (Played by Derek Mears) and the transparent vampire horse man (yes, you read that right, played by Caine Sinclaire). And that just to name a few.  Non Grimm favorites include the alien bar fly in Star Trek (Doug Tait), and certainly Les Grossman, the character Tom Cruise played in Tropic thunder.  I take pride in the title character in Powder (Sean Patrick Flannery) and I'm very happy with the work I did in a little known film which everyone should see called Shuffle. It was written and directed by Kurt Kuenne and starred TJ Thyne. A lot of age make-ups in there that I think worked very well. It's really a wonderful movie.
SWCP: What message would you like to send for the fans of your work?
B.B: Whatever you do in life, do as though it's your passion and chances are it will become exactly that. At least for the time you're doing it in. Every time I get a job, THAT becomes my favorite job and I always try to make it better than the last... Do things with that kind of motivation and let the rest take care of itself... and also, don't listen to the critics. Listen and learn from the great artists who came before you and then do things your way!
Thanks. This was fun.
Cheers
Barney
 

sábado, 27 de Setembro de 2014

Samurai-Daisho Darth Vader

O fabricante japonês de brinquedos,Tamshii Nations ao adquirir o licenciamento da Disney para o fabrico de merchandising Star Wars,lançou uma bela e original figura articulada da nova coleção Movie Realization intitulada Samurai-Daisho Darth Vader,que é uma mistura do mais icónico vilão da ficção científica com um Samurai Japonês.Esta peça mede 18 cm de altura e estará disponível para venda no Japão a partir de Dezembro.Os colecionadores europeus podem comprá-la atravéz da Tamashii Nations France.
Fonte: toyzmag.com

quinta-feira, 25 de Setembro de 2014

The Most Interesting Jedi in the Galaxy by James Arnold Taylor

Han Solo & Chewbacca: Sixt scale figures

A Sideshow em colaboração com a Hot Toys,tem para pré-venda duas magníficas estátuas articuladas com cerca de 30 cm de altura( Han Solo) e 36 cm (Chewbacca) que foram baseadas nestes personagens no episódio IV de Star Wars.Têm ainda incluídos alguns adereços-extra: Um cinto de um Stormtrooper e uma Blaster Rifle para o Han Solo e uma Heavy Blaster para o Chewbacca.

quarta-feira, 24 de Setembro de 2014

Entrevista ao Ryder Windham

Os nossos amigos e membros da SWORA,  Starwarscali.co editaram no seu website,uma entrevista em exclusivo ao escritor Ryder Windham (em inglês) que vale a pena ser lida:
http://www.starwarscali.co/2014/09/interview-with-ryder-windham/

Entrevistas SWCP: Ian Durrant

Ian Durrant é um ator britânico que interpretou os papéis de Stormtrooper e Rebelde de Hoth no episódio V de Star Wars e de um rebelde no episódio VI.
SWCP: Fale-nos do seu trabalho nos episódios V e VI de Star Wars.
I.D: Foi me oferecido um papel para o primeiro filme de Star Wars mas tinha acabado de partir uma perna nessa altura o que acabei por recusar essa oferta. No entanto, estive posteriormente, cerca de duas semanas no estúdio todos os dias a interpretar o papel de um Stormtrooper e de um rebelde de Hoth.As minhas cenas principais envolveram o trabalho como um homem da manutenção da Millenium Falcon e outras naves espaciais menores do planeta de gelo. 

SWCP: Curiosamente, o seu primeiro filme `A incrível Sara ‘também foi rodado nos Estúdios Pinewood em 1975.Podemos dizer que estes estúdios são uma espécie de talismã para si?  

I.D: Bem, `O Império contra-ataca´ foi filmado nos estúdios Elstree se bem me lembro. Ao longo dos anos, trabalhei em todos os grandes estúdios britânicos e em muitos outros menores também. Muitas lembranças felizes.
SWCP: Atualmente trabalha como ator/músico e entertainer no espectáculo de comédia musical `The London Philharmonic Skiffle Orchestra´.Como tem sido essa experiência?
I.D: Trabalhar na Orquestra Filarmônica de Londres, Skiffle (www.lpso.co.uk) tem sido muito divertido. Tocamos em todo o país e na Europa, apresentando um pacote divertido de um espetáculo musical, com adereços, uma variedade de trajes e uma enorme variedade de instrumentos musicais. Recentemente, encontramos um agente que organiza espetáculos em Espanha e em Portugal, então você poderá ver-nos lá futuramente. 

SWCP: Trabalhou em diversos filmes e séries televisivas dos anos 80.Que diferenças gostaria de realçar entre os filmes/séries atuais e os dessa década?
I.D: Não faço qualquer trabalho no cinema ou na televisão há muito tempo, então só posso dizer pelo que ouvi de amigos. Não acho que atualmente trabalhar nesse ramo seja tão divertido como há anos atrás. A menos que tenha uma parte creditada numa produção. Eu sei que as condições de trabalho e os salários eram certamente inferiores na década de 1980. 

SWCP: Tem algum personagem favorito de Star Wars?
I.D: Tendo conversado com a Carrie Fisher nos cenários dos estúdios, acho que tenho que dizer que a princesa Leia é o meu personagem favorito. Eu também tenho um fraquinho pelos dróides R2D2 e CP30.
SWCP: Que mensagem quer enviar aos seus fãs?
I.D: Quero apenas agradecer-lhes e dizer 'Olá' e obrigado por nos seguirem. É um prazer conhecer vocês e é sempre uma alegria ouvir-vos.
Obrigado




 

ENGLISH VERSION:

Ian Durrant is a British actor who played the roles of a Stormtrooper and Hoth Rebel on Star Wars: Episode V, and a Rebel on Episode VI.
SWCP:  Tell us about your work on Star Wars.
I.D: I was offered work on the first Star Wars film but having just broken my leg had to turn it down. However, for about two weeks I was at the studios everyday as a Stormtrooper and Hoth rebel. My main scenes involved working as a maintenance man on the Millenium Falcon and other smaller space ships on the ice planet. 

SWCP: Curiously, your first movie The Incredible Sara) was also filmed at Pinewood Studios in 1975.Can we say that these studios were a kind of talisman for you?
I.D: Well, Empire Strikes Back was filmed at Elstree studios if my memory serves me well.  Over the years I worked at all the major British studios and lots of smaller ones as well. Lots of happy memories.
SWCP: You´re currently working as an actor musician and entertainer on the music show band The London Philharmonic Skiffle Orchestra. How has been this experience? 

I.D: Working in The London Philharmonic Skiffle Orchestra (www.lpso.co.uk) has been great fun. We play all over the country and in Europe, presenting a fun packed musical show, with props, a variety of costumes and a huge array of musical instruments. We recently met an agent who organizes gigs in Spain and Portugal so you may see us over there in the future.
SWCP: You worked for several renowned films and television shows in the 80´s.What differences would you like to highlight between the films/series of these times and the current ones? 

I.D: I haven't really done any TV or Film work for a long time so can only tell you what I hear from friends. I don't think the actual experience of working in the business is as much fun as years ago. Unless you have a credited part in a production.  I know working conditions and the fees paid are certainly inferior to those in the 1980's.
SWCP: Do you have any favorite Star Wars character?
I.D: Having chatted to Carrie Fisher on set, I guess I have to say Princess L is my favorite.  I also have a soft spot for R2D2 and CP30.
SWCP: What message would you like to leave for your fans?
I.D: I just want to say 'Hi' and thanks for following us.  It's a pleasure to meet you and always a joy to hear from you.
Thanks! 


terça-feira, 23 de Setembro de 2014

Galeria dos sócios: Salomé Carvalho

A Salomé Carvalho é a nossa sócia nº 169.Bem vinda ao clube!

As naves de Star Wars: Episódio VII

Já começaram a circular na Net várias imagens de algumas das naves que fazem parte do episódio VII de Star Wars.As aqui apresentadas,referem-se  à Millenium Falcon e ao X-Wing.Fonte: tumblr.com